A harmonização facial é um conjunto de procedimentos estéticos que tem por objetivo harmonizar os dentes esteticamente e funcionalmente a boca, aos lábios e a face, onde, os dentes complementam o sorriso que completam o rosto como um todo e isso tudo a partir de uma visão mais aprofundada da face na busca de um equilíbrio funcional e estético integrado

A harmonização facial é um conjunto de procedimentos estéticos que tem por objetivo harmonizar integrar esteticamente e funcionalmente:

– os dentes

– a gengiva

– os lábios

– as expressões facias

– as funções musculares faciais

– as marcas de expressão

Grande parte dos procedimentos relacionados à harmonização facial já fazem parte do histórico odontológico, embora com intuito diferente. Aplicação de toxina botulínica, preenchimento com ácido hialurônico e a realização da bichectomia – para citar alguns dos tratamentos possíveis – já fazem parte do cotidiano da clínica odontológica.

A toxina botulínica, por exemplo, é utilizada para reduzir os efeitos do bruxismo (condição na qual o paciente range ou aperta os dentes especialmente durante a noite e que pode comprometer dentes e maxilar se não for tratado); a bichectomia, por sua vez, é indicada para pessoas que mordem frequentemente as bochechas a ponto de machucá-las e causar ferimentos.

Com a proposta da harmonização facial, elas passam a serem usadas para fins estéticos e para complementar os resultados alcançados em procedimentos. Assim, marcas de expressão causadas pelo envelhecimento da pele ou por problemas odontológicos podem ser tratadas com a aplicação de toxina botulínica e outros preenchedores, e a bichectomia também é feita em pessoas que desejam destacar mais alguns traços do rosto. Além deles, há outras intervenções ligadas à harmonização: intradermoterapia, PRP (Plasma Rico em Plaquetas), redução de papada, lifting facial com fios, MD Codes, entre outros.

Os procedimentos que integram a Harmonização Facial

Toxina Botulínica – Botox

Mais conhecida como botox, se tornou um excelente meio auxiliar na busca pela harmonização facial.

Ácido Hialurônico

Estudos indicam que esse preenchedor tem altíssima afinidade com a água, conferindo importante ganho de volume e hidratação. Atua onde a toxina botulínica não consegue corrigir, como o famoso ‘’bigode chinês’’ ou ‘’código de barras labial’’ (aquelas rugas acima da boca). Como também no preenchimento da maçã do rosto, lateral da mandíbula, entre outras áreas que podem ter perdido sua firmeza e volume com o tempo.

 BICHECTOMIA :

Procedimento cirúrgico que visa a remoção da bola de Bichat, com finalidade Funcional (pacientes que costumam morder a bochecha) e Estética, salientando as proeminências zigomáticas (maçã do rosto) e Afinando a Face.

Benefícios

  • Efeito blush”, ou seja, “maçãs do rosto” mais proeminentes e rosto mais fino;
  • parte inferior ou baixa do rosto fica mais fina, delicada e retangular;
  • rosto mais harmônico e atraente;
  • remove o trauma crônico de mordedura das bochechas.

Como é realizada?

A cirurgia pode ser feita sob anestesia local ou sob sedação endovenosa. A gordura é removida através de uma pequena incisão de 1 cm na parte interna da boca, próximo aos molares. Através desta incisão o corpo adiposo da bochecha identificado e removido. Apenas dois ou três pontos reabsorvíveis, que não precisam ser removidos, são suficientes. Como a cirurgia é feita por dentro da boca, nenhuma cicatriz é perceptível externamente. A recuperação é rápida e o paciente volta a suas atividades normais em poucos dias.

É indicado pra mim?

É importante uma avaliação criteriosa por profissionais que tenham principalmente experiência em análise facial. A cirurgia pode ser feita assim que houver o crescimento completo da face. Sendo assim, a cirurgia já pode ser feita no início da juventude, desde que haja consentimento por escrito dos responsáveis. A maioria dos pacientes que procuram a cirurgia tem entre 20 e 45 anos, homens e mulheres.